quarta-feira , junho 28 2017
Home / Política / Tanto lá, quanto cá, conversas cruzadas…

Tanto lá, quanto cá, conversas cruzadas…

 

assentados-no-pedagio-116

Caro Barão,

Estava olhando o manifesto dos assentados na BR 116 nesta sexta-feira (15), tive a mesma impressão. Ou seja, será que as pessoas não precisam trabalhar? Enquanto observava a movimentação em uma ação comunitária (e politica tb) no Bairro Santa Helena, vi muita gente, inclusive dezenas de funcionários públicos, presentes no local. Ai refleti: Será que toda essa turma não tem o que fazer? Por que estão aqui? Será que não deveriam estar exercendo suas funções? Detalhe: meu expediente é à tarde (por isso eu estava no evento na ocasião)!!!

conversascruzadas (3)

 

Sobre Milton Barao

Veja também

Com uma prefeitura na Serra, PR acampa em Palmeira

O PR conquistou uma prefeitura na Serra Catarinense, com Fernanda Cordova, do município de Palmeira. …

4 Comentários

  1. Nevio Filho

    Opinião totalmente infeliz de nosso amigo leitor, esta moralidade sócio religiosa que insistimos em carregar e fazer de nós o centro do universo, as vezes provoca mais asco e risadas do que algo sério de que se possa levar a sério. Não devemos ser o exemplo mais puritano para todos, porque não somos perfeitos, se eu trabalho isso só diz respeito a mim, os outros trilham o seu próprio caminho, eu não vou mudar o mundo querendo ser o mais ético dos mortais. Com certeza quem critica muito algo, gostaria de ter este algo, projetamos uma indiferença, mas eternizamos um desejo, nosso amigo leitor ao criticar os sem terras e o evento, gostaria de estar lá em vez de trabalhar.

  2. Nevio Filho

    A gênese humana também solidifica incoerências, Marcos Feliciano e Bolssonaro, fazem um verdadeira cruzada de críticas e ataques aos homossexuais, como se fossem aberrações sobre a face da terra. Um senador americano também foi famoso por cruzadas contra as minorias e discursos inflamados a um machismo mais forte. Mais tarde descobriu-se que o seu verdadeiro comportamento por trás de um homem mau, era o seu desejo em manter obscuro o seu passado homossexual, a dificuldade em sair do armário e se assumir, causava-lhe uma revolta em não conseguir isso. aí projetamos uma justificativa para isso, leis contra os homossexuais. Será que Marcos Feliciano e Bolsonaro, soldados da moralidade, não conseguem saírem do armário.

  3. João Souza

    Névio, quanto mais leio o que você escreve, mas me enoja desse seu pensamento fútil e ignorante, é isto que o PT está criando?

    Vai estudar, trabalhar e ser alguém com relevância na vida.

    Brasileiros como você, estragam toda uma nação.

    E estes comentários sobre Bolsonaro, não sei dizer, só sei que tomara que se elejam e acabem com a mamata de vocês, querem dinheiro, vão trabalhar, roubou, vai preso, PT o maior desgoverno que já existiu. FORA DILMA, FORA LULADRÃO, FORA PT!

    • Julio

      Esqueceu de dizer FORA NÉVIO,seu lugar é em Floripa! Fica por aí.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *