quinta-feira , junho 29 2017
Home / Saúde / Apolinário questiona desativação da ressonância

Apolinário questiona desativação da ressonância

HTR

Depois de permanecer desativado desde início de 2016, o não funcionamento do aparelho de ressonância magnética do Hospital Geral Tereza Ramos, motivou novo documento da Câmara de Vereadores de Lages.

Desta vez, quem apresenta o requerimento é o vereador Adilson Appolinário, que pede informações sobre os motivos que levaram a desativação do aparelho.

“Queremos que nos informem se há uma previsão para que volte a funcionar. A sociedade precisa do atendimento. Centenas de pessoas já foram prejudicadas”, cobrou.

Sobre Milton Barao

Veja também

Secretário da Saúde veio a Lages explicar sobre Ala Portinari

Dos 800 funcionários do HTR, 166 estão fora do trabalho, por isso estamos contratando emergencialmente …

2 Comentários

  1. Ana Xavier

    Parabéns pela atitude de cobrança.. Porque os vereadores de Lages não cobram uma auditoria pente fino em todos os setores do HTR????

    • Lucia de lima

      Não entendi o pq do pente fino que eu sei e o aparelho que está estragado e o hospital sendo roubado acho que vc foi muito infeliz no seu pedido tbem concordo que tem que cobrarem mas é do governo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *