terça-feira , setembro 26 2017
Home / Justiça / Filho usava celular do pai e complica situação na Justiça

Filho usava celular do pai e complica situação na Justiça

celular-preso

Num passado recente, a ex-primeira dama de Capão Alto, Sadiana Coelho Lopes foi afastada de suas funções na prefeitura pelo fato de utilizar o telefone celular para outras atividades, mas a conta era bancada pelo município. (veja a matéria completa aqui).

Pois agora uma situação semelhante está tramitando na Justiça, novamente envolvendo uso de celular pago com dinheiro público.

Porém quem estava utilizando era o filho do político e que foi preso por tráfico e portando o referido aparelho. O pai foi denunciado por quebra de decoro parlamentar.

Sobre Milton Barao

Veja também

GAECO: Operação Terra Prometida investiga vereador de Lages 

Matéria especial do Diário Catarinense desta sexta-feira, 7, sobre a Operação Terra Prometida

4 Comentários

  1. odair

    Nomes?

  2. Névio S. Filho

    Estes celulares e demais utensílos que Câmaras e prefeituras compram devem estrem registrados em um almoxarifado com número de material servível e deve haver com o usuário uma espécie de carta de recomendações, o que não é muito usual nas cãmaras se o vereador não tiver estas recomendações o almoxarifado também incorre em desídia, como querem processar o vereador se não o alertaram sobre isso.O filho também não contribuiu para amenizar a situação.

  3. Névio S. Filho

    Caro Barão e seguindo um critério mais rígido ainda, estes aparelhos só deveriam serem usados quando o vereador estivesse na casa, ou seja nos horários em que não há atividades na casa o celular não deveria ser usado, mas como é de uso geral, a turma o leva para todos os lugares. O ser humano vive através de normas ou sanções, se deixarmos pela consciência, ninguém usa corretamente.

  4. robson

    Naõ concordo em nada com sr.Nevio. Penso que nem deveriam ter telefone pago pelo POVO>

    Isso é um ABUSO COM O DINHEIRO DO POVO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *