domingo , setembro 24 2017
Home / Política / Lei que permite amplia licença de vereador vira gozação nacional

Lei que permite amplia licença de vereador vira gozação nacional

Cacau Menezes, Diário Catarinense – 22/12/2016

Diferente do que as outras Câmaras estão fazendo Brasil afora, determinando que vereadores cumpram o mandato para o qual foram eleitos, a de Lages virou destaque estadual e nacional por estar na contramão da história.

A alteração na carta magna do Município (Lei Orgânica), agora permite que vereador de Lages não perca o mandato sendo secretário o exerça cargo em autarquias ou empresas, tanto na União, Estado e Município, e com mais a agravante de pagar o salário dele e do suplente (em caso do licenciado optar pelo salário de vereador).

Veja o vídeo com a explicação do vereador proponente da matéria, Thiago Oliveira (PMDB):

 

Lei Orgânica do Município

Como era:

Como ficou:

Sobre Milton Barao

Veja também

Diálogos imaginários: Ceron e Jair na reunião do PSD

Ceron: se decida vereador Jair, ou você fica do meu lado, ou passa lá pra …

4 Comentários

  1. carin

    Vamos distribuir nariz de palhaço a todos, Barão. RBS passou com categoria a matéria.

  2. Paulo Ferrugem

    Deixem ele ir pra Florianópolis , não faz falta alguma aqui em Lages! Quem votou nele que pense bem na próxima eleição!

  3. Otávio R. Machado

    E aí os políticos não sabem o porque de cada vez mais serem ignorados pelos eleitores. São atitudes como essa que colaboram para o descrédito dos nossos representantes. Ao contrário do que fizeram, deviam votar para que os vereadores exercessem o cargo para qual foram eleitos até o fim do mandato. Que falta de respeito com o eleitor que votou nele para o cargo pretendido.

  4. Robson

    Tb só lages pra eleger um almofadinha deste.nunca tinha ido num bairro antes.de se aventurar cimo vereador. da pra refletir do que o dinheiro é capaz. vota num sujeito deste e o mesmo que jogar o voto fora.pior ainda é ouvir comentários que ele almeja set candidato a deputado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *