quinta-feira , setembro 21 2017
Home / Cultura (página 4)

Cultura

Moacir Pereira autografa livro sobre Malinverni Filho

convite-moacir-pereira

Uma significativa contribuição para a cultura lageana nos é dada pelo renomado jornalista e escritor catarinense, Moacir Pereira, com a apresentação do seu mais recente trabalho: Malinverni Filho, a Vida pela Arte.

Desnecessário falar sobre o personagem, cuja esposa (Dona Marichen) está em plena atividade e cuidando com todo o carinho do Museu Maliverni Filho, e onde também o filho Jonas tem ateliê. Ou seja, tudo está muito vivo, e eternizado, ainda mais com a obra de Moacir Pereira.

Serviço

Lançamento livro Malinverni Filho, A Vida pela Arte

Data: segunda-feira, 05/12 – às 19h

Local: Centro Cultural Vidal Ramos

Coisas que gostamos, Musicas que amamos…

movere3

Um emocionante espetáculo na noite de quinta-feira, emocionou o grande público, que lotou o Teatro do Bom Jesus, para uma apresentação cultural.

Nada menos que 160 bailarinos da Movere e Colégio Bom Jesus Diocesanos puderam, esse ano escolher o que dançar, como diz o título.

movere2

No roteiro, o Ballet Clássico, o Jazz e a dança folclórica, além do Nativismo, onde o figurino foi trabalhado justamente pensando em dar mais vida e emoção.

Inclusive a professora Mayra Ceron Pereira e as colegas do Ballet Adulto fizeram uma apresentação especial para a música “Milonga para as Missões”, de Renato Borghetti.

movere1

Enfim, a mais pura arte, através da dança, proporcionando momentos inesquecíveis, comentou a professora Mayra.

Fábrica de Gaiteiros e Colégio Rosa, dois presentes para Lages

fabrica-gaiteiros-4

Um presente especial proporcionado pelo Sesc, com intermediação do deputado Gabriel Ribeiro, foi dado à população lageana na noite do aniversário de 250 anos de Lages, o show da Fábrica de Gaiteiros, de Renato Borghetti, no Centro Cultural Vidal Ramos (Colégio Rosa).

fabrica-gaiteiros-6

Show de gaita

Depois do workshopp do músico gaúcho, subiram ao palco montado na área externa, alunos da Fábrica de Gaiteiros da Barra do Ribeiro (Porto Alegre), com participação de Renato Borghetti, para um show emocionante.

fabrica-gaiteiros-3

Colégio Rosa

Evidente que os méritos na noite do aniversário de Lages eram da Fábrica de Gaiteiros, mas não devemos esquecer do local, o Centro Cultural Vidal Ramos (Colégio Rosa), que foi restaurado e entregue para ser o difusor da cultura da gente lageana, tudo pelo empenho pessoal do governador Raimundo Colombo.

fabrica-gaiteiros-2

Fotos: Carlos Wolff e Henrique Belling

Emocionante depoimento sobre Lages do jornalista Pablo Gomes

lages-250-anos

Tenho inveja de quem carrega nos documentos a palavra “Lages” como local de nascimento. Não sou natural daqui, mas me sinto como se fosse. Desde criança sou fascinado por essa cidade, e há dez anos recebi a graça de viver aqui.

Falar de Lages é ter a certeza da emoção. Não conheço ninguém que não tenha orgulho dessa terra. E hoje, 22 de novembro de 2016, Lages celebra 250 anos.

De tradições políticas, natureza rica, cultura marcante e culinária inigualável, Lages guarda um legado de histórias único no Brasil.

Se não tive a sorte de ser lageano de nascimento, sou lageano de muito coração.

Muito obrigado, Lages.

Parabéns, querida Princesa da Serra!

E que venham os próximos 250 anos

Pablo Gomes/Jornalista

Espetáculo de Dança antes do Prêmio Empreendedor

Dois grandes eventos estão marcados para esta quinta-feira (24), que devem atrair grande público, havendo inclusive a possibilidade de horários para, primeiro assistir ao espetáculo da Academia de Dança Movere, que terá inicio pontualmente às 20h, no Teatro do Bom Jesus.

moverre-24-nov

Em seguida, às 21h, nas dependências do Clube Caça e Tiro, o Correio Lageano realizará a 18ª Edição do Prêmio Empreendedor José Paschoal Baggio, um dos maiores eventos empresariais do Estado de Santa Catarina e do Brasil.

Serão homenageadas as 50 empresas que obtiveram os maiores índices de retorno de ICMS adicionado, e outras 05 empresas Destaque, iniciativa que divulga o trabalho e o potencial econômico das empresas da Serra Catarinense.

premio-empreendedor

Eventos: quinta-feira, 24 novembro

20h – Academia Movere

Local: Teatro Bom Jesus

21h – Prêmio Empreendedor

Local: Clube Caça e Tiro

Fábrica de Gaiteiros e show Renato Borghetti, nos 250 anos

No aniversário de 250 anos de Lages, terça-feira, 22 de novembro, acontece o lançamento do projeto social “Fábrica de Gaiteiros”, no Centro Cultural Vidal Ramos, uma parceria entre o Sesc/SC e o Instituto Renato Borghetti de Cultura e Música

fabrica-gaiteiros-2

Deputado Gabriel

O fato mais curioso nesse grande presente que Lages recebe, é que a intermedição para a instalação da “fábrica” e o show no dia do aniversário da cidade foi do deputado Gabriel Ribeiro (PSD). A Prefeitura ficou completamente alheia ao processo.

Show aniversário

Para marcar este momento especial, haverá um show dos alunos da “Fábrica de Gaiteiros” da Barra do Ribeiro, com participação de Renato Borghetti, às 20h, na área externa do Centro Cultural Vidal Ramos. Antes disso, às 18h30, o músico ministra workshop e participa de bate-papo com o público. Haverá também show de abertura com Alexandre Bueno e Grupo, às 19h30. A programação é gratuita.

Novos gaiteiros

A “Fábrica de Gaiteiros” em Lages atenderá crianças e adolescentes, de 7 a 15 anos, que vão aprender a tocar gaita-ponto, instrumento que projetou Borghetti para o Brasil e exterior. As aulas serão gratuitas, individuais, uma vez por semana, no Centro Cultural Vidal Ramos.

Bolsas estudo

Serão oferecidas 35 bolsas de estudos em Lages. As inscrições são gratuitas, e podem ser feitas pelos pais ou responsáveis na Unidade do Sesc (Avenida Dom Pedro II) a partir do dia 23 de novembro.

fabrica-gaiteiros-1

SERVIÇO:

Lançamento da “Fábrica de Gaiteiros” em Lages

Data: 22 de novembro (terça-feira)

Local: Centro Cultural Vidal Ramos

Programação:

18h30: Workshop e bate-papo com Renato Borghetti (sala de cinema)

19h30: Show de abertura com Alexandre Bueno e Grupo (área externa)

20h: Show dos alunos da Fábrica de Gaiteiros da Barra do Ribeiro com participação de Renato Borghetti (área externa)

Programação gratuita

Que país é esse, já cantava Renato Russo

legiao-show-10

Legião Urbana Cover Curitiba fez um show memorável na noite de sábado, no Serrano Tênis Clube, quando seu vocalista Miro Penna literalmente incorporou o saudoso Renato Russo e reviveu o clássico: Que País é Esse?, ao que o público respondia: É a porra do Brasil…

A banda cover é composta por Miro Penna, Marcos Hinnes, Anderson Capa, Diego Simm e Edison Leite, a qual levantou o público, que não parou um minuto sequer de cantar os sucessos apresentados, pois é como se Renato Russo ainda estivesse entre nós, e cada vez mais contundente.

legiao-cover-banda-2

Foram quase duas horas de show, com início às 23h, e teve ainda como prêmio, outra banda cover, Guns For Destruction, de Florianópolis. Fez um bom show, que agradou aos fiéis seguidores de Axel Roses, porém não teve a mesma empolgação de outra que já esteve em Lages.

legiao-show-7

Que País é Esse?

Legião Urbana

Compositor: Renato Russo

Nas favelas, no senado

Sujeira pra todo lado

Ninguém respeita a constituição

Mas todos acreditam no futuro da nação

Que país é esse?

Que país é esse?

Que país é esse?

No Amazonas, no Araguaia, na Baixada fluminense

No Mato grosso, Minas Gerais e no Nordeste tudo em paz

Na morte eu descanso mas o sangue anda solto

Manchando os papéis, documentos fiéis

Ao descanso do patrão

Que país é esse?

Que país é esse?

Que país é esse?

Que país é esse?

Terceiro Mundo se for

Piada no exterior

Mas o Brasil vai ficar rico

Vamos faturar um milhão

Quando vendermos todas as almas

Dos nossos índios num leilão.

Que país é esse?

Que país é esse?

Que país é esse?

Que país é esse?

legiao-cover-banda-1

Livro conta vida de Carlos Jofre, fundador do império SCC

livro-carlos-jofre-do-amaral

Carlos Jofre Amaral – Uma vida pela Comunicação em Santa Catarina é o título do livro que estará sendo lançado nesta sexta-feira (18), no Centro Cultural Vidal Ramos, às 19h.

O lançamento dessa obra encerra as comemorações do centenário de nascimento de Carlos Jofre, um paulista que chegou a Lages em 1939 como técnico de rádio, e a partir do seu trabalho deixou um legado, que se transformou em um império de comunicações.

O livro tem como autores Mariana Lapolli e o filho de Carlos Jofre, Roberto Rogério do Amaral.

Artistas do Continente Sul na Fazenda Lua Cheia para Corredor de Canto e Poesia

corredor-canto-e-poesia-1

Está chegando mais uma edição do Corredor de Canto e Poesia, evento que reúne músicos, poetas, intérpretes e admiradores da arte nativista com o objetivo de valorizar, incentivar, resgatar e despertar novos valores por meio de uma oficina poética e musical não competitiva e de temas inéditos.

Fazenda Lua Cheia

A 15ª edição vai acontecer de 25 a 27 de novembro na Fazenda Lua Cheia. Serão três dias onde os artistas desenvolvem trabalhos sobre um tema que somente é definido na primeira noite do encontro.

corredor-canto-e-poesia-2

Acesso limitado

Durante os três dias do evento os artistas vindos de Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Paraná e Uruguai, desenvolvem trabalhos sobre um tema que somente é definido na primeira noite do encontro. O “Corredor” não é aberto ao público sendo limitado a 100 participantes por edição.

 

Com informações: Éder Goulart

Sessão Solene Institutos pelos 250 anos de Lages

instituto-historico-1

O Instituto Histórico e Geográfico de Lages e o Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina realizou na noite de quarta-feira, no Centro Cultural Vidal Ramos, uma sessão solene em comemoração aos 250 anos de Lages.

O evento apresentou fatos surpreendentes sobre a história de Lages, e celebrou a ocupação oficial dos campos de Lages, iniciada em 1720 e concretizada em 1766, com a fundação da Vila de Nossa Senhora dos Prazeres de Lages.

instituto-historico-2

Você sabia?

Lages com seus dois séculos e meio de história é a quarta cidade mais antiga do Estado, ficando atrás de São Francisco do Sul, Desterro (atual Florianópolis) e Laguna.

 

 

Com informações: Débora Bombilio/Correio Lageano

Banco do Brasil esconde painéis artísticos do saguão, diz autor

Marcos Lenzi, renomado artista lageano, criador dos painéis decorativos no saguão da Agência Centro do Banco do Brasil está denunciado o descaso com as obras

painel-bb

“Foi encomendado pelo Banco, e pintado por mim em 1972 por aí. Quero registrar o absurdo do Banco ao cobri-lo com uma parede para colocar equipamentos de ar condicionado. Trata-se de um patrimônio do Banco e da cidade, pois foi feito para entrega e inauguração da agência.

Peço e reivindico a quem de direito, que desfaça este absurdo que só diminui nossos conceitos de cultura e formação como lageanos, um verdadeiro absurdo.

Recorro aqui aos amigos, Fundação Cultural e Associação dos Artistas Plásticos e até Acil, pois trata-se de um Painel sobre nossa Economia. Um aborto do raciocínio cultural ,tratando-se de um banco que incentiva esporte e cultura”.

Marcos J. Lenzi

Compac

O presidente do Conselho Municipal do Patrimônio Artístico e Cultural de Lages (Compac), Gilson Máximo de Oliveira, declarou que “O COMPAC pode solicitar esclarecimentos e providências do banco, é importante para isso que haja uma solicitação formal. Qualquer cidadão pode fazer, mesmo de forma anônima. Estamos a disposição…”.

=============================

CARTA AO BANCO DO BRASIL-  AG .LAGES CENTRO.                           Enviado ao Jornalista Milton Barão que poderá me representar e fazer uso deste na reivindicação e publicação do texto.  ___________________________________________________.

Milton Barão,

Faço de seu endereço , como portador, destino para meu e-mail que peço, seja entregue a quem de direito como Gerência local ou regional.

O motivo é que verifiquei há algum tempo que o painel que havia no fundo do saguão da entrada SUMIU. O motivo desta prende-se ao pedido como autor e artista , da restauração e recolocação visual do painel no antigo local (parede).

Embora a decisão seja interna do banco,informo que foi executado lá pelos anos 70 ou seja há 46 anos, foi uma obra encomendada para a inauguração do Banco que foi entregue à comunidade, e como tal configura-se patrimônio Artístico Cultural da Cidade.

Em contato com a comunidade artística de Lages e o Conselho Municipal, deverá existir uma reivindicação ao Banco para que se restaure ou se mostre novamente a parede que foi encoberta com outra parede. Não permita-se que terceiros o retoquem senão o artista.  Como autor, posso recorrer à lei 6.640-64, pois que a autoria não se queda com o tempo , e permanece na sua preservação.

O Banco do Brasil sempre se colocou como incentivador das artes e esportes e tal fato chega a ser constrangedor ao próprio Banco diante de uma decisão funesta e destrutiva das artes. Sabe-se que nada é feito sem  aprovação de uma gerência ou arquitetos no que tange às obras. Como isso já aconteceu há tempos, não tencionamos culpar nem questionar os autores, e sim esperar esta nova versão do Banco do Brasil que se mostra acolhedora das artes, aliás já era quando fui contratado para faze-la. Pena que gestores antigos não tenham percebido tal discrepância cultural. A comunidade deverá se mobilizar em apoio ao meu pedido e espero que seja encaminhado aos gestores de hoje para que apreciem e me respondam sobre sua decisão.
Atenciosamente, Marcos J. Lenzi  CPF 032342749-91

Casas de madeira no Museu Malinverni Filho

rafael-krall

O acadêmico de Arquitetura do Centro Universitário Unifacvest, Rafael Krahl, está realizando a exposição fotográfica Arquitetura da Madeira, no museu Malinverni Filho.

Ele desenvolveu o trabalho para valorizar a história e a cultura do município de Lages. “O famoso ciclo da madeira impulsionou as construções nos anos 50, 60 e 70, e muitos imóveis continuam bem conservados, retratando a história”, diz Rafael.

As fotos mostram traços arquitetônicos alemães, italianos, poloneses e indígenas. O trabalho foi feito na disciplina de Técnicas Retrospectivas. A exposição vai até o dia 30 de novembro. A entrada é franca.

 

Comunicação Unifacvest

Cavalgada Oh! De Casa reuniu mais de 500 cavaleiros

 

cavalgada-oh-de-casa4

A cavalgada é um ato de amor, onde amigos se reúnem para desfrutar de bons momentos. Foi com com esse intuito que o programa Oh! De Casa, da Bia Andrade, tem realizado esse evento, que neste ano chegou em sua décima edição.

Como cresceu e se transformou em um evento turístico, que faz parte do calendário da cidade, recebeu a denominação de 10ª Cavalgada de Lages, que como diz a amiga Bia, “nada mais é do que um grande encontro de amigos”.

cavalgada-oh-de-casa2

536 cavaleiros

Pela contagem oficial, foram 536 cavaleiros, que se reuniram na manhã de sábado, na sede do MTG-SC para o Café e a largada, que aconteceu às 9h.

O grupo seguiu pelo Acesso Norte em direção a BR 116, num roteiro aproximado de 20km, com duração de 4h e retornando por estradas até chegar ao Bairro Guadalajara e chegada novamente no MTG, onde tinha um belo almoço de confraternização.

14732399_702676743222277_3344426224943456467_n

“Foi emocionante ver que a cada ano nosso evento tem aumentado, chegando mesmo a surpreender neste ano, com mais de 500 cavaleiros. Foi uma grande festa”, comemorou Bia Mello.

cavalgada-oh-de-casa3

Fotos: Cao Guiorzi

Salão de Artes Visuais na Fundação Cultural

salao-artes-visuais

A Associação Planaltina de Artistas Plásticos (APAP) e Instituto José Paschoal Baggio estão promovendo a realização do Salão de Artes Visuais – 250 Cores de Lages, em comemoração aos 250 anos de fundação de Lages.

 

A mostra também tem objetivo de promover o conhecimento e valorização dos artistas visuais e incentivar e valorizar o cenário artístico local e estadual.

 

As inéditas obras selecionadas estarão em exposição na Fundação Cultural de Lages a partir desse dia 3 de novembro, quinta-feira, às 19 horas.