terça-feira , Fevereiro 20 2018

Tortenhouse

 

SEMASA TOPO

 

posto sam rotativo

Home / Prefeito Ceron (página 4)

Prefeito Ceron

Ministério encerra convênio da UPA e prejuízo chega a 3 milhões

Mais uma bomba de efeito retardado aterrizou na mesa do prefeito na última sexta-feira. O Ministério da Saúde enviou ofício encerrando o convênio com o município de Lages para implantação da UPA – Unidade de Pronto Atendimento, cujas obras estão em 30%, depois de 5 anos.

Devolução dos recursos

A obra foi orçada 2 milhões, vindos do do Ministério da Saúde e R$ 1.295.218,33 de contrapartida do município. O município já recebeu Um Milhão e Meio e vai ter de devolver esse valor se o contrato for realmente rescindido.

Prejuízo de 3 milhões

Somes-se a esse valor (1,5 milhão, mais o valor que o município já gastou – Um Milhão, e mais 500 mil para recuperar a estrutura danificada pelo tempo e pelo uso por andarilhos, chegando a um total de 3 milhões de prejuízo A informação foi dada pelo prefeito Ceron durante entrevista no Bom Dia Lages, nesta segunda-feira.

Deputada Carmen

Ceron vai entrar em contato com a deputada Carmen Zanotto, para que a mesma acompanhe em uma audiência com o ministro da Saúde, na tentativa de encontrar uma solução, como um prazo maior para que o município conclua a obra e ainda receba os 500 mil do total do convênio.

Pinheiro será o Excecutivo de Turismo no colegiado de Ceron

Qual a moral dos tucanos em expulsar filiados que trabalharam na campanha de Ceron (PSD), se dois tucanos emplumados, no caso, Leonel Pavan e Vicente Caropreso são secretários de estado do governo de Raimundo Colombo (PSD).

Pinheiro no colegiado

Aliás, também queimou o bico que os dois ficaram de fora do colegiado de Ceron, pois nesta segunda-feira será anunciado o nome de Luis Carlos Pinheiro Filho para o cargo de Executivo de Turismo, cuja pasta é comandada por Mario Hoeller de Souza.

Escolha pessoal

Sobre os nomes convidados, o prefeito Ceron reiterou na entrevista no Bom Dia Lages, desta segunda-feira, na Imagem TV, de que todos são escolha pessoal. “Se eu tiver que desconvidar algum, tenho a total liberdade pois não tem cota partidária. Os únicos nomes que tem garantia são os dos 16 vereadores e mais o Juliano e eu, que fomos escolhidos pelos eleitores”, rebateu Ceron.

Ceron na Defesa Civil para acompanhar atendimento

Preocupado com as informações de ocorrências e danos em residências nos mais diferentes pontos da cidade, o prefeito Ceron deixou sua residência e foi até a Defesa Civil, para acompanhar “in loco” a situação.

O prefeito foi informado pelo Executivo da Defesa Civil, Jean Felipe Souza, sobre as ocorrências e as providencias tomadas pelo pessoal de plantão.

Ventos de 90 km/h

A estação meteorológica de Lages monitorada pela Epagri registrou rajada de vento de 90 km/h em Lages, associada à passagem da frente fria. No mesmo horário o vento registrado no Morro da Igreja chegou a 105 km/h

Fotos: divulgação

Diálogos imaginários: Ceron no Tio Vida

O atento apresentador do Bom Dia Lages, Reginaldo Heine registrou a presença do prefeito Ceron e o filho Maurício nas arquibancadas do Tio Vida, no sábado.

E no flagrante, o diálogo imaginário:

– Ceron: Veja bem, quando fui presidente do Inter, o time foi campeão…

– Amigo: seria uma boa então ser prefeito e presidente (eheheh)

Como administrar uma cidade cheia de problemas?

Completando 70 dias de governo, Ceron escolheu esta sexta-feira, 10 de março para uma conversa aberta, incluindo todo o colegiado, desde secretários, executivos e os superintendentes

Respostas

O encontro, que começou às 8h e tem encerramento previsto para às 13, na Pousada Rural (onde não tem sinal de celular), é a oportunidade para que cada um se manifeste a respeito da sua pasta e o que precisa fazer para corresponder aos anseios da população.

Pessoas

Ceron tem reiterado que não foi eleito para pagar contas da prefeitura. Quer deixar sua marca e, para isso, escolheu pessoas independente de partidos.

Cidade

A cidade continua com seus problemas, como ruas esburacadas, lixo espalhado, poluição no Carahá, mato crescendo, faltando remédio e médico, contas vencidas e gente desempregada.

 

Maquiagem

E como diz o próprio, Ceron “o cobertor é curto, ou seja, não existe recursos para tantas necessidades”, então, que cada um faça o melhor em sua secretaria, sem maquiagem (como foi feito na Semasa)…

 

Fotos: Greick Pacheco

Um dia de retiro, para lavar roupa suja

Ceron pega seu colegiado completo para um “dia de retiro”. Será nesta sexta-feira, na Pousada Rural do Sesc, a partir das 8h30min e com encerramento previsto para às 13h. Na pauta, a manifestação de todos, para “lavar roupa suja” e avaliação dos 70 dias da sua administração.

 

Foto: Arquivo/Greick Pacheco

A cidade e o prefeito querem o condomínio industrial

Mal informado é o comandante que abandona o navio, deixando a embarcação afundar…

A alta direção do Grupo Koch ficou lisonjeada com a visita que o prefeito Ceron fez no dia 08 de fevereiro, quando tomou conhecimento do mega investimento que será feito no condomínio industrial de Lages.

Muito bem informado

Na oportunidade o prefeito foi informado que o projeto executivo está em execução, obedecendo rigorosamente as etapas previstas no plano de investimento. Também o fato de Ceron ouvir os empresários, através de uma reunião da Acil, foi muito bem recebida pelos investidores, pois mostrou que a administração municipal busca o desenvolvimento em consonância com as instituições.

Água e luz

Aliás, quando o Grupo Koch esteve na Acil, no dia 13 de fevereiro, para apresentação do plano de investimentos, fomos saber do presidente da SC-Par, Paulo Cesar da Costa, como funciona a questão da água e luz. Para se ter uma noção, um projeto dessa grandeza necessita de uma subestação de energia elétrica, cujo custo ultrapassa 10 milhões. Não é diferente com relação a água e esgoto, necessitando de estação de captação e de tratamento.

É fato

E agora vamos aguardar o pronunciamento oficial do grupo, se vai investir ou não, de acordo com os interesses do município. Mas podemos afirmar, com certeza, que a cidade e o prefeito querem.

O resto é… bem, deixa prá lá…

Fundações não perderam status com a reforma

Com a aprovação da reforma administrativa, o prefeito Ceron completou seu colegiado, preconizando sempre o “enxugamento” da maquina pública. Quando da elaboração da reforma, cogitou-se mudanças nas duas fundações do município, porém elas são necessárias, pois atendem requisitos para captar recursos nas outras esferas de governo.

Estatutos

Assim, quem estava radiante e agradecido, era Gilberto Roconi (FOTO), que foi efetivado como superintendente da Fundação Cultural e, da mesma forma, Nilson Cruz, na Fundação de Esportes. Outro detalhe é que se fossem alteradas as nomenclaturas, haveria necessidade de aprovação dos dois estatutos.

O quadro completo dos secretários ficou assim:

Administração e Fazenda – Antonio Cesar Arruda

Educação: Valdirene da Silva Vieira

Saúde – Odila Waldrich

Desenvolvimento Econômico e Turismo – Mário Hoeller de Souza

Planejamento e Obras: Clayton Bortoluzzi

Serviços Públicos e Meio Ambiente – Euclides Mecabô

Assistência Social e Habitação – Samuel Ramos

Agricultura e Pesca – Osvaldo Uncini

Políticas para Mulher e Assuntos Comunitários – Marli Nacif

Semasa (Autarquia) Jurandi Agustini

Fundação Cultural de Lages – Gilberto Ronconi (Superintendente)

Fundação Municipal de Esportes – Nilson Cruz (Superintendente)

Procuradoria Geral do Município – (Progem) – Agnelo Sandini Miranda

Auditoria e Controladoria – Ayrton Tadeu Weber Xavier

Para onde vai o salário de fevereiro de Ceron

Já que muita gente desdenhou o fato de ter vindo a público o fato do prefeito Ceron ter doado seu primeiro salário para o Lages 100 Fome, o de fevereiro passou desapercebido.

Mas soubemos que no início da tarde desta quarta-feira (1° março), Ceron foi até a Casa de Apoio Colibri, para entregar um cheque de R$ 5 Mil.

Os outros R$ 11 Mil serão entregues na manhã de quinta-feira ao presidente do Centro Comunitário Lupércio de Oliveira Koeche e para o professor Ari Martendal, articulador do Lages 100 Fome.

Situação da Kombi é a mesma da prefeitura, diz Ceron

Acidente com o veículo nesta quarta-feira deixou três feridos, depois que quebrou a barra da direção e bateu no poste de iluminação do canteiro central da Dom Pedro

Em 08 de abril de 2016 publicamos matéria sobre a situação da Kombi utilizada pelo Meio Ambiente para pintura de ruas. Por sinal teve quem se sentisse ofendido, dizendo ser uma relíquia e que o veículo estava em bom estado.

Não deu noutra, pois nesta quarta-feira de cinzas (1° de Março), um acidente envolveu a Kombi. O veículo estava transitando na Avenida Dom Pedro II, quando quebrou a barra de direção.

Por sorte apenas três servidores tiveram ferimentos leves, sendo que o motorista cortou a testa e precisou alguns pontos, segundo informações do secretário de Serviços Públicos e Meio Ambiente, o Tchá-Tchá.

Mesma situação da Prefeitura

As informações do acidente chegaram ao prefeito durante o ato da ordem de serviço da Avenida das Torres. Inclusive ele fez referencia, dizendo que o estado da Kombi era “a mesma situação que recebeu a prefeitura, ou seja, em estado de miserabilidade, com 120 milhões de dívidas atrasadas”.

Mas não fui eleito para ficar chorando ou reclamando, pois somente na reforma administrativa já conseguimos uma economia de 680 mil por mês, e vamos fazer muito mais, completou Ceron.

Ceron completa o time

A partir da aprovação da reforma administrativa – PCL 002/2017, que tratou da reestruturação administrativa, o prefeito Ceron completa seu time, com a posse de três secretários e a nomeação dos outros quatro, já que suas pastas foram agrupadas

Assistência Social e Habitação

Às 14h30min, toma posse na Secretaria de Assistência Social e Habitação o vereador Samuel Ramos. O ato acontece no prédio da secretaria.

Novas nomeações

Às 16h30min, no gabinete, Ceron completa seu time com a posse de Oswaldo Uncini (Agricultura e Pesca), Marli Nacif (Política para Mulher e Assuntos Comunitários).

Agrupamentos

Nessa mesma solenidade o prefeito assina portarias de nomeações dos secretários que já estavam atuando desde o dia 1° de janeiro, porém agora em pastas agrupadas:

Administração e Fazenda – Antônio Arruda

Desenvolvimento Econômico e Turismo – Mário Hoeller

Planejamento e Obras – Claiton Bortoluzzi

Serviços Públicos e Meio Ambiente – Euclides Mecabô

Projeto da reforma vira “colcha de retalho”

projeto da reforma foi entregue na Câmara no dia 6 de fevereiro pelo prefeito Ceron

Diferente do prefeito Elizeu que mandou seu projeto de reforma, em regime de urgência urgentíssima e que foi aprovado no mesmo dia, o do prefeito Ceron está tramitando normalmente nas Comissões e deve ir à Plenário somente na próxima terça-feira.

Só que não para de receber emendas, que o descaracterizam totalmente, parecendo uma “colcha de retalhos”, me confidenciou um vereador.

O recordista de emendas até agora tem sido o vereador Jair Junior, que já apresentou 11, que podem ou não ser incluídas no projeto cujo relator é o vereador João Chagas.

Aliás, depois de tanta emenda, o vereador Jair sumiu nesta sexta-feira, pois a presidente Aidamar, o líder do governo Gerson dos Santos e o próprio prefeito estão a sua procura, para trocar “dois dedos de prosa”.

Obra só “anda” se for fiscalizada

Tem obra pública que nunca foi fiscalizada. E os exemplos são milhares, como aquela ponte no interior, que liga nada a coisa nenhuma, e outros exemplos bem piores.

Por isso mesmo Ceron esticou a saída na manhã desta quinta, e depois da visita na unidade de Saúde do São Miguel, foi até a Avenida Nossa Senhora da Penha, onde os tratores estão roncando.

A expectativa é de aproximadamente mais uma semana de trabalho a etapa do saneamento básico já esteja concluída, e a continuar nesse ritmo, os prazos serão cumpridos à risca e a inauguração aconteça bem antes do Natal.

Foto: Greik Pacheco

Ceron entrega projeto da reforma e lê mensagem anual

Prefeito entrega pessoalmente o projeto de lei da reforma e fez a leitura da mensagem anual, na abertura dos trabalhos legislativos de 2017

Não recordo de nenhum outro prefeito na história de Lages que tenha saído do gabinete para ir até o Poder Legislativo e, pessoalmente chegar no setor de protocolo para carimbar a entrega de um projeto de lei.

Pois foi o que aconteceu nesta segunda-feira, quando teve início as sessões legislativas de 2017. Acompanhado do Líder do Governo, vereador Gerson dos Santos e da presidente Aida Hoffer, Ceron entregou o projeto de lei n° 001/2017, que trata da reforma administrativa e estrutura organizacional da Prefeitura de Lages.

Mensagem Anual do Prefeito

Abrindo os trabalhos legislativos da Câmara de Vereadores de Lages, o prefeito Antonio Ceron leu a mensagem anual, onde fez um relato da situação financeira que encontrou ao assumir as redás do município. Fez entregar cópia do balanço financeiro da administração anterior, bem como uma copia da reforma administrativa.

Encontrei um a prefeitura em estado de insolvência

– Essa reforma tem por finalidade transformar a estrutura da prefeitura para que seja ágil, eficiente e moderna, destacou Ceron, pois “se a prefeitura fosse uma empresa privada, estaria quebrada, em estado de insolvência, afinal tem 37 milhões de contas vencidas, desde água, luz e telefone até remédios e alugueis. Deve mais 21 milhões até 31/12 e se juntar precatórios e financiamentos de longo prazo chega a 117 milhões”, explicou aos vereadores.

Mas não fomos eleitos para pagar dívidas de uma administração que não soube sequer fazer o dever de casa. Vamos reverter esse quadro.

Como fazer, o que fazer?

Somente com o corte drástico de despesas é que vamos conseguir encontrar o equilíbrio das contas do município. E já estamos fazendo isso, pois encontramos uma prefeitura com 6 mil empregados e 450 comissionados. Já reduzimos para 4 mil e 200 comissionados, assim conseguimos já economizar quase 700 mil.

 

Fotos: Milton Barão

Presidentes de associações pedem “começo, meio e fim”

Desde a campanha, a promessa de Ceron era diálogo franco e aberto com os presidentes de associações de moradores. Pois foi o que aconteceu nesta segunda-feira, na primeira reunião, no Bairro da Penha

Começo, meio e fim

Aliás, o presidente Voni Meros disse que seu bairro foi o primeiro pois ele correu atrás e pediu por primeiro o encontro. E foi logo dizendo que é um trabalhador “voluntário” da prefeitura e pediu novamente “começo, meio e fim” em cada obra do município. O presidente da Associação da Bates pediu para sediar o segundo encontro, que será sempre na primeira segunda-feira de cada mês.

Microfone aberto

Quem levou um “pito” foi o presidente da União, Antonio Carlos Costa (Tita), quando o prefeito disse que esperava encontrá-lo e até receber algum pedido. Em compensação, a ampla maioria dos presidentes compareceram e tiveram direito ao microfone e reivindicar.

Fichas de ônibus

A presidente da Asssociação do Universitário, a Marcina, por exemplo, pediu as fichas de ônibus. Na hora o prefeito passou o pedido para o secretário de Administração resolver.

 

Fotos: Jotta Damasceno

%d blogueiros gostam disto: