Secretaria Nacional de Aviação Civil planeja manter operação regular e desenvolver com aeronaves de maior porte no Aeroporto de Lages

A respeito das estruturas de Lages e Correia Pinto, o secretário Ronei Saggioro Glanzmann colocou as novidades na mesa. “Para o de Lages temos a meta de manter a operação regular de aviação regional já existente, e desenvolvê-la ainda mais, uma aviação com aeronaves de maior porte”, garante Saggioro.

Novo equipamento

Será protocolado um ofício junto a prefeitura para o fornecimento de um equipamento chamado Precision Approach Path Indicator (PAPI), em português Indicador de Percurso de Aproximação de Precisão.

É um sistema de ajudas visuais à navegação aérea, constituído por aparelhos de iluminação com focos calibrados. O custo é de R$ 300 mil e o aparelho será buscado junto ao Governo Federal para beneficiar o Aeroporto Federal em Lages.

Foram discutidos tópicos acerca de investimentos e equipamentos, além de uma série de outras medidas para potencializar os investimentos e viabilizar um serviço de qualidade de transporte aéreo para a população da região.

Com informações: Pablo Gomes

Fotos: Aeroporto Lages/Leomar Junior e divulgação

#BlogdoBarão

Compartilhe

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here