Em sua terceira edição, o projeto está investindo R$ 9,5 milhões na instalação dos equipamentos e na substituição de lâmpadas antigas por LED. Os critérios para participação das famílias são definidos conforme a região selecionada, indicadores sociais e técnicos.

Mais de 4 mil famílias

Mais de 4 mil famílias de áreas rurais e urbanas de baixa renda, em oito municípios catarinenses, são beneficiadas com a instalação de trocadores de calor para fogões à lenha e para chuveiro elétrico por meio do projeto Banho de Energia, que faz parte do Programa de Eficiência Energética da ANEEL/Celesc.

Municípios da Serra Catarinense

A instalação dos trocadores está priorizando famílias nas áreas rurais e de baixa renda dos municípios de Anita Garibaldi, Abdon Batista, Correia Pinto, Lages, Otacílio Costa, Ponte Alta, Santa Cecília e São Cristóvão do Sul.

Fogão a Lenha

“A execução desse projeto está concentrada no Planalto Serrano, por ser a região com as menores temperaturas do estado e o fogão a lenha fazer parte da cultura local. Aliás, o equipamento foi idealizado pensando na Serra Catarinense”, conta o gerente da Divisão de P&D e Eficiência Energética da Celesc, Thiago Jeremias.

Fonte: Agência Comunicaz a serviço da Celesc

#BlogdoBarão

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here