A chamada “quarta-feira gorda” foi ultra, hiper, mega, como brincou um visitante de Balneário Camboriú, com quem conversei sobre sua opinião sobre a Festa do Pinhão, em sua primeira visita a Lages

Um público expressivo visitou o Parque do Conta Dinheiro, todos muito bem agasalhados, já que a meteorologia previa temperaturas muito baixas. Mas não foi tudo aquilo, tanto que os próprios artistas no palco comentaram que esperavam até a Neve, como brincou Eduardo Gustavo e o Alok.

Shows

Os destaques da noite foram os shows de Alok, Jorge e Mateus, Jerry Smith, Munhoz e Mariano, além de outras atrações. A multidão vibrou com os shows, que começaram no início da noite e se estenderam até a madrugada de quinta-feira (20).

O movimento na festa começou cedo. Desde as primeiras horas da noite, os visitantes circulavam pelas ruas do parque que, aos poucos, ficou lotado. A movimentação nos boxes de alimentação também foi intensa, com muita gente querendo experimentar as comidas e bebidas comercializadas nos estandes, chegando a formar filas em alguns locais.

Hotéis lotados

Além de moradores da Serra Catarinense, turistas de várias cidades do estado vieram prestigiar o sexto dia da festa. Excursões chegaram a Lages vindas de diversos lugares. A cidade está movimentada. Com mais de 3,2 mil leitos, a rede hoteleira do município está praticamente lotada.

Quinta-feira

A Festa do Pinhão prossegue nesta quinta-feira (20). No palco Nacional, se apresentam Vitor Kley, 3030, Santograau, Nego Joe, Egypcio. No palco Nativista, destaque para as apresentações de Artur Matos e Grupo Tchê.

 

Catarinas Comunicação

Foto: Nilton Wolff, Barão

#BlogdoBarão

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here