A Justiça determinou nesta sexta-feira, dia 20, em Lages, a prisão preventiva de três policiais militares e outro acusado

Eles foram denunciados pelo Ministério Público por terem matado ERICK FERNANDO RODRIGUES DE CAMPOS, vulgo PEDRÃO, ocorrida no dia 28 de junho de 2019, por volta das 16h, no bairro Vila Nova, Lages/SC.

Rio Caveiras

O cadáver foi encontrado às margens do Rio Caveiras, entre os municípios de Lages e Capão Alto, no dia 1º de julho, com diversas lesões na região da cabeça. A investigação chegou a um suspeito, que havia gravado um vídeo da vítima assumindo a prática de furtos em sua residência.

Corpo desovado na ponte velha

Em interrogatório o suspeito confessou ter matado a vítima com a participação dos policiais militares. Um deles teria dado um golpe na vítima o deixando quase desacordado. Depois de arrastá-lo, iniciaram as agressões. Já sem vida, o homem foi colocado no porta-malas do carro do réu e levado até a Ponte Velha, local onde foi jogado no rio.

A decisão judicial diz que a liberdade dos acusados representa perigo por conta de possíveis intimidações às testemunhas. Os mandados de prisão referentes aos policiais militares devem ser cumpridos pelo comando do 6º Batalhão de Polícia Militar e os PMs encaminhados para a sede da corporação. Já o do outro réu, pela polícia Civil.

 

NCI/TJSC – comarca de Lages

#BlogdoBarão

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here