A secretária municipal de Saúde Odila Waldrich tem feito uma verdadeira “via sacra” nos veículos de Imprensa e até na Câmara de Vereadores, para esclarecer sobre a determinação do Ministério Público para transferência da Emergência Infantil, que irá para a UPA

TAC assinado na gestão anterior

“Essa decisão não foi da Prefeitura, foi um TAC – Termo de Ajuste de Conduta, assinado na gestão anterior, e a nós coube cumprir, o HISB não atenderá mais as crianças que forem consultar, apenas quando for caso para internamento, estamos construindo um fluxo orientativo para a população. Temos consciência que vamos enfrentar alguns transtornos, porém essa transferência independente da nossa vontade, ela é necessária”, destacou.

Ignorância

O lamentável nessa situação é o despreparo o o desconhecimento de algumas pessoas, como a página do Facebook denominada MLL – Movimento Lages Livre, que ao invés de esclarecer, foi plantar discórdia.

Página do CL

Deve ser atrelado a algum candidato, pois sequer lê jornal, nem assiste televisão e tampouco ouve rádio, pois do contrário, teria lido a matéria de uma pagina inteira do Correio Lageano, na sua edição de sábado, 02 de novembro, onde a secretária esclarece o assunto.

Foto: Na foto de Nilton Wolff, a secretária Odila na Câmara de Vereadores, na noite de segunda-feira, para fazer os devidos esclarecimentos. E ainda esteve na Rádio Clube, na manhã desta terça-feira, no programa do Adilson Oliveira.

 

 

 

#BlogdoBarão

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here