Primeiro foi a Defesa Civil que colocou cavaletes e isolou a passagem de pedestres da ponte sobre o Rio Carahá, no cruzamento das avenidas Belizário Ramos e Dom Pedro II, pelo fato da proteção ter sido derrubada por um bom motorista.

Mas nem mesmo os cavaletes e fitas resistiram a outro motorista experiente, que jogou tudo dentro do rio.

Diante do perigo, coube aos Agentes de Trânsito fazer um novo remendo, e torcendo para que a secretaria de Obras tome a iniciativa de fazer o conserto definitivo.

Fotos: divulgação
#BlogdoBarão

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here