O programa Na Boca do Povo saiu do estúdio da ImagemTV nesta terça-feira (27), e foi feito diretamente da recepção do Hospital Tereza Ramos (HTR), onde tentou ouvir a direção, que sequer se dignou a atender, para dar sua versão do caso “Bruna”

A desculpa é sempre a mesma, ou seja, precisa agendar com a assessoria de imprensa da Secretaria de Estado da Saúde, e se for conveniente para eles, poderiam atender, o que não foi o caso.

Então, só restou aos apresentadores Jones Paulo e Marcelo Kowalski fazer o programa do pátio e da recepção do HTR, para contar o drama da jovem Bruna Oliveira, 18  anos.

Drama da Bruna

A paciente Bruna está internada desde domingo (24) com fortes dores de parto, dando indícios que o bebê viria ao mundo. A mesma foi recebida e sendo realizado os procedimentos para um parto normal, pois mãe e filho estavam bem, ficando aguardando a dilatação uterina, que não ocorreu.

Em um exame realizado na segunda feira (25) conforme relato da família, fizeram uma ultrassonografia e constataram a morte da criança.

Mesmo com a criança morta em seu ventre a mãe permanece internada aguardando dilatação para que seja feito parto normal.

O caso inspira cuidados, mesmo que seja o procedimento, o pai e familiaesm pediram apoio da imprensa, e por isso mesmo a produção do programa Na Boca do Povo foi até o HTR na tentativa de ouvir os médicos envolvidos e um parecer da direção, porém saiu de lá sem as respostas.

 

Fonte: ImagemTV/Na Boca do Povo

#BlogdoBarão

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here