O setor turístico fecha tudo até 30 julho, desde restaurantes, bares, hotéis, pousadas, vinícolas e demais setores

Um novo decreto municipal foi assinado na segunda-feira (20) para conter a disseminação do coronavírus. Diante do avanço dos números de infectados e após o primeiro óbito positivado no município, novas medidas foram pensadas para tentar interromper a propagação do Covid.

O Decreto 254/2020, prevê medidas mais restritivas que ficarão em vigor até o dia 30 de julho.

Confira os pontos principais:

Lanchonetes, food trucks, cafeterias, pastelarias, confeitarias, tabacarias, churrascarias, restaurantes, pizzarias, ou qualquer estabelecimento gastronômico só poderão trabalhar por delivery, retirada em balcão ou drive-thru, exceto bares e similares que deverão ficar fechados até o dia 30 de julho.

Hotéis, pousadas, pousadas alternativas, parques de aventuras e pontos turísticos devem ficar fechados, sem atendimento ao público até o dia 30 de julho de 2020;

Vinícolas, adegas, cervejarias e similares devem ficar fechados sem atendimento ao público até o dia 30 de julho;

Somente padarias

Padarias deverão encerrar o atendimento presencial ao público de segunda a sexta até às 20h, respeitando a taxa de ocupação de 40%, podendo exercer suas atividades nos sábados e domingos, respeitando o horário limite das 20h, sendo proibido servir lanches e/ ou refeições até o dia 30 de julho de 2020;

Villa Francioni. Foto: Mafalda Press

Fonte: Prefeitura São Joaquim

#BlogdoBarão

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here