“8 pessoas perderam a vida com o covid na nossa cidade em 4 meses… Mas de câncer, do coração, de acidente de trânsito por exemplo… Quantos morreram? Garanto que mais de 100.

Tenho um respeito enorme pelas vidas perdidas pelo vírus, mas muitas morrerão por falta de tratamento para outras doenças, em virtude de estarmos com os olhos voltados para pandemia.

Muitos morrerão por não poder fazer outros exames relacionados a doenças graves, por medo de ir a um hospital e ser contaminado… Muitos morrerão de acidentes de trânsito e passarão batido, sem poder sequer realizar um velório tradicional. Gente!

O negócio é se prevenir e voltar nossos olhos para a realidade do dia a dia. Quanto mais abordarmos esse assunto como sendo o “top da balada”, mais as pessoas se apavoram, se desesperam e podem até atentar contra a própria vida…

Sinceramente? Estou de saco cheio de covid, covid, covid… Desculpem o desabafo!”

Adailton Camargo

#BlogdoBarão

8 COMENTÁRIOS

  1. Segundo o denatran, morrem aproximadamente 100 pessoas por dia de acidente de transito no Brasil. Segundo o INCA morren aproximadamente 1800 pessoas de cancer no Brasil. Isso com politicas de conscientizacao. Ou seja,o nymero de mortos por covid é 10 vezes maior que o de mortos no transito, e mais da metade dos mortos por todos os tipo de cancer. E alem disso pode ser transmitido de uma pessoa para outra

  2. Que texto que não contribui em nada!
    O problema de não olhar para a COVID não são, somente, “as 8 mortes”.
    É o excesso de demanda sobre o sistema de saúde.
    Se não nos cuidarmos muito (e pensarmos e falarmos em COVID, COVID, COVID,…) o sistema de saúde não suportará e aí faltará leitos de enfermaria e UTI para quem for acometido de um infarto na cidade, para quem sofrer uma acidente de carro, de tudo… pois o sistema de saúde estará em colapso.
    Me desculpe Barão, mas esse tipo de texto que tenta “diminui” o problema da COVID” é um desserviço a nossa população.

  3. A imprudência das pessoas poderia ser controlada se não houvesse tantas pessoas despreparadas guindo carro por todo o mundo, agora fazer uma analogia contrastando com os casos de Coronavírus, que possui um potencial de de contaminação agressivo e que pode matar pessoas de todas as idades de classes sociais e gêneros, é uma tremenda falta de noção!!!
    Talvez o Adailton não saiba, mas o país que ele vive é um dos mais infectados do mundo, e Lages ainda não teve uma grande mortalidade por ser uma região de baixa densidade populacional, e as pessoas não estão se cuidando (só quando vão ao centro).
    O fato de ser “Pêlo Duro” como foi propagado por este blog, não dá imunidade às pessoas, isso é notícia FAKE!
    Me admira o caro blogueiro publicar certos assuntos FAKE! e espalhar para toda a cidade, pois tu é uma pessoa que todos na cidade seguem, mas certos assuntos, notícias e seu lado político atrapalha demais seu trabalho!
    Menos clubismo com seu comandante e mais compaixão com as pessoas que estão passando por problemas sérios de saúde, devido o Coronavírus, e também por aquelas pessoas que respeitam a quarentena, que ainda tem muitos!

  4. Credo, que matéria triste de ler. ?? Em ambos a dor é a mesma, pois não é só número, é sim; pais de família,irmãos , tios avós filhos, que foram tirados do convívio familiar. Se não quer falar de covid. Não fale. Mas tem que respeitar a dor dos familiares que perderam seus entes queridos. Seria mais prudente não falar, só isso.

  5. A turma do mimimi vai a loucura kkk esquerda São uns frouxos medinho do vírus?Enfrentem ou acham que o governo vai salvar até quando pra ficar em ksa e nos da saúde trabalhando por vcs,?bora trabalhar

  6. Que falta de sensibilidade e empatia com o próximo do blogueiro. Entre a ciência e a política eu fico com a ciência. Não tem como fazer comparações numa situação dessa que estamos enfrentando. Deixa a política de lado e seja menos terraplanista. Fica a dica.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here