Na última semana esteve em Lages Richard Lohn, fundador da cervejaria LohnBeer. Sua visita na cidade foi para compartilhar sua experiência na cultura e turismo cervejeiro. E no encontro, a Ambev Santa Catarina apresentou um projeto ousado, o de transformar Lages na Capital Brasileira do Lúpulo

No encontro estiveram presentes o coordenador de Projetos da Ambev Felipe Sommer, Aline Trindade, gerente da Cervejaria Santa Catarina da Ambev em Lages, Luís Carlos Pinheiro Filho, executivo de Turismo, da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo, e Nelson Beretta, diretor da Secretaria Municipal de Agricultura e Pesca. Prestigiaram o encontro também, os principais cervejeiros artesanais do município.

Luiz Carlos Pinheiro (Turismo), Felipe Sommer (Ambev) e Nelson Beretta (Agricultura)

Capital Brasileira do Lúpulo

Felipe Sommer, da Ambev, apresentou o projeto da empresa que visa o fomento da cultura do Lúpulo na região Serrana de Santa Catarina, através da agricultura familiar.

“A implementação da nossa lavoura experimental, a construção do viveiro para fornecimento gratuito de mudas e a construção da Planta de Beneficiamento eliminam as principais barreiras para que a cultura do lúpulo decole na região. Isso tudo, aliado a sua privilegiada condição agrícola, geográfica e turística tem potencial para transformar Lages na capital brasileira do Lúpulo”, destacou.

Projeto inovador

O projeto é ousado e inovador, pois pretende formar parcerias com pequenos produtores da Serra Catarinense. “É através da Agricultura Familiar que vamos trabalhar, doando as mudas e garantindo a compra através de contrato com o pequeno produtor. Essa cadeia produtiva fatalmente resultará na Capital Brasileira do Lúpulo”, concluiu Felipe Sommer.

 

Fotos: Fazenda de Lúpulo Santa Catarina (Ambev Lages)

Fonte: Secretaria de Turismo de Lages / Henrique Belling

Felipe Sommer / Ambev Lages

#BlogdoBarão

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here