Meu Deus, deu um nó na garganta vendo as equipes de saúde, bombeiros, sirenes acionadas nas ruas pelo “toque de recolher”. É indescritível esta sensação de medo, incerteza.
Tempos difíceis, dias difíceis que nos fizeram obrigatoriamente à reflexionar sobre o que de fato é importante para nós.
Passamos uma vida correndo atrás de um carro melhor, uma casa melhor, um emprego melhor, e chega um Momento como este que só queremos sentirmos vivos e dizer no silêncio de um abraço o quanto algumas pessoas são importantes para nós, o quanto às amamos.
Tantas coisas deixamos de viver de dizer por orgulho, vaidade, Ego.
Que Deus reconsidere nossa fraqueza, e nos dê força para sairmos de tudo isto mais “humanos”.
Que noite triste…
Texto: Andreia Rodrigues / Otacílio Costa

=====================
#BlogdoBarão

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here