Aquela farsa do governador Moisés no dia 10 de agosto último pode custar um pouquinho mais caro ao Governo do Estado, já que a Associação dos Municípios da Região Serrana (Amures) foi ao Ministério Público de SC (MPSC), pedindo providencias quanto ao funcionamento dos 9 leitos “inaugurados”

Videoconferência

A reunião por videoconferência foi realizada na tarde de segunda-feira, 17 de agosto, e contou com a participação do Promotor de Justiça Carlos Renato Silvi Teive, do representante do Consórcio Intermunicipal de Saúde/Amures, Walter Manfroi e pelo Assessor Jurídico do HTR, Heitor Frutuoso.

Deliberação

Ao final, ficou deliberado que a direção do HTR preste informação no prazo de 24h sobre a abertura das nove vagas de UTI que foram entregues pelo governador Carlos Moisés.

Nenhuma previsão

O colega blogueiro Paulo Chagas conversou com o diretor do HTR, Fabio Lage na tarde desta terça-feira (18), e informa em seu blog que os pacientes dos 19 leitos da Ala Portinari estarão sendo transferidos na quarta-feira (19). Já quanto aos nove leitos novos, não tem nenhuma previsão, pois depende da contratação de funcionários.

Fonte: MPSC, Amures

#BlogdoBarão

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here