A Coligação Lages em Boas Mãos, liderada por Antonio Ceron e Juliano Polese demonstrou que tem capacidade para administrar uma pandemia. Além de outras ações, Lages foi uma das poucas cidades do Estado a contar com um Centro de Triagem (foto)

Desde o início da pandemia, Lages teve uma resposta rápida para o enfrentamento do coronavirus, alinhada ao governo estadual e principalmente ao Governo Federal, a cidade foi uma das primeiras a criar o gabinete emergencial de prevenção ao COVID-19 e a usar a força de segurança para fiscalizar, orientar e punir quem estivesse descumprindo os decretos.

Centro de Triagem

O centro de triagem foi o primeiro do estado, Ceron não mediu esforços para ajudar não somente os lageanos, como também os serranos e ainda disponibilizou exames e os remédios para todas as fases do tratamento contra o COVID-19. Foram quase 14 mil atendimentos no centro de triagem e cerca 16 mil casos investigados (testados).

Durante os sete meses todas as secretarias continuaram trabalhando dentro das normas e dos decretos e com total transparência para a população. Ceron e Juliano salientam que Lages precisa estar em Boas Mãos e que mesmo em meio a pandemia, eles sempre prezam pela família, pela saúde e principalmente pelo bem-estar da população.

 

Fonte: Imprensa/Lages em Boas Mãos

#BlogdoBarão

3 COMENTÁRIOS

  1. Nem para administrar pandemia, muito menos a cidade. Quando a coisa ficou feia, não sabiam nem o que fazer…Menos, senhor Barão..Deve estar gando muito, para falar essas mentiras… Olha que votei nele, foi só decepção…

    • Primeiro.
      voce gosta de ofender em dizer que está ganhando muito bem. Estou sim. as minhas custas e com meu trabalho. o que muito me honra. e declaro imposto de renda do que eu ganho. CERTO???

      Segundo: não consegue distinguir uma matéria informativa, onde cita a fonte.

      Lamentável

  2. Boa noite Barão. Falando em combate ao covid é impressionante o número de pessoas que eu vi ontem e hoje andando pelas ruas sem máscaras. O pior já passou, mas a doença ainda continua. Temos que continuar nos cuidando

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here