Transporte de Chapecó a Itajaí foi feito de avião no domingo (7), mas já houve transferência via terrestre (fotos)

A situação da falta de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Covid-19 no Oeste Catarinense levou à transferência de pacientes da regiões para outras áreas do estado. Desde sexta-feira (5), uma pessoa foi levada de Chapecó para Itajaí e uma de Xanxerê para Lages.

Há outros pacientes que aguardam transferências. O diretor-geral do hospital de São Miguel do Oeste afirmou que não é a primeira vez que o Oeste enfrenta lotação nos leitos de UTI-Covid.

De acordo com o painel de leitos de UTI do Sistema Único de Saúde (SUS), atualizado pelo governo do estado nesta segunda-feira (8), a região está sem vagas para adultos. Levando em conta Santa Catarina inteira, a ocupação é de 67,27% para leitos de UTI Covid para adultos.


Fonte: G1, Governo SC

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here