Depois do episódio lamentável no ano passado, que custou a derrota de um vereador para prefeito, nova cena de machismo na Câmara. Desta vez foi o novato Nei Casa Nossa (PSL)

Foi na sessão de terça-feira, 17, quando o vereador Nei se manifestou contra presença de suplente afirmando que “por isso a Câmara está um bagunça”. A infeliz colocação deu-se depois de a vereadora Katsumi Yamachi (PP) afirmar que votaria favorável ao projeto do Executivo de transposição de verba.

A vereadora argumentou sobre o descaso com sua pessoa e seus votos e o direito constitucional de assumir, e o descaso para com as mulheres, por parte do vereador. Depois ele voltou à tribuna tentando se justificar e dizendo que na sua casa, são as mulheres que mandam, pois tem mulher e quatro filhas.

Suplente está em casa

O vereador novato precisa saber que suplente está em casa. Quem está na Câmara é vereador.

Solidariedade Zero

Tão lamentável quanto, foi ver a solidariedade zero das duas colegas, Elaine e Suzana, que diseram que irão esperar a “Procuradoria da Mulher”, que será criada, talvez, um dia…

 

Fotos: reprodução

Fonte: https://fb.watch/3IYZ2LegGY/

https://fb.watch/3IZ0n1r1P5/

1 COMENTÁRIO

  1. Infelizmente isso se reverbera na economia, sociedade e na história de Lages que é uma cidade velha, com população velha e estagnada. Pior que quem nasce aqui e vive toda a vida aqui, acaba por se tornar um velho precoce, cheio de preconceitos, de crenças, achando que o próprio umbigo é o universo e todo mundo é igual a ele no que pensa e age.

    Curioso que todo esse movimento que vem acontecendo no Brasil desde 2016 vem exibindo uma face do brasileiro que até então estava oculta em meio há um país próspero que crescia economicamente e se preocupava em equilibrar a grande desigualdade social do território.

    Já hoje é possível identificar o motivo do Brasil ser o Brasil. São pouquíssimas pessoas com muito poder que controlam e manipulam uma imensa classe média/pobre através da ignorância, preconceito, ódio, mentira…

    Eu nunca imaginaria há dez anos atrás que estaríamos nessa grande depressão que estamos hoje, flertando com fascistas e autoritários. O brasileiro, a grande de mídia, empresários, classe média reacionária, chocou o ovo da serpente e está dando grande asas a cobra.

    Deus nos acuda ame do céu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here