Uma secretária chamada IA

0
418

É isso mesmo. A mais nova secretária do Lar se chama IA. A Inteligência Artificial está sendo usada a todo vapor e trabalhando 24 horas por dia, a fim de “solucionar” os problemas do dia a dia, principalmente de jovens estudantes.

Diferente da IA (onde também chamamos de Aia) de carne e osso, a IA artificial não incentivao o jovem a pensar, a escrever muito menos a ler, ele apenas aponta o que precisa e pronto, lá está o texto, o trabalho, a letra da música, o estudo de caso e assim por diante pronto.

Neste meio termo, esquecemos que são mentes humanas que “alimentam” a IA e, por esta razão, se não tivermos o hábito da leitura ou não estudarmos, não saberemos informar o que queremos, não conseguiremos formular perguntas, e então seremos guiados aos erros da IA artificial.

Um professor conhece o seu aluno, sua escrita e sua capacidade de interpretação de texto assim como uma mãe sabe quando foi o filho quem escreveu ou pensou.

Aquele belo currículo, enviado por e-mail com belos textos de apresentação, criados pela IA artificial, é desmontado no momento da entrevista cara a cara. Alí, a IA não pode estar presente.

No cálculo da prova, ou na redação do concurso público, a IA não se inscreveu, você não gabaritou e zerou na redação.

Deixa a preguiça de lado, levanta da cama ou da cadeira e busca o seu conhecimento.

É isso, nada de novo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui