A única faixa de segurança que os motoristas respeitavam em Lages era a da Catedral. Já os pedestres passavam despreocupadamente olhando o wattsapp, pois achavam que o Anjo da Guarda estava de plantão.

Só que recentemente uma vítima foi o médico Paulino Granzotto, defronte o Juliu’s Café, que inclusive foi levado para Porto Alegre, já que necessitava de uma maior avaliação dos traumas.

Já na noite de ontem, terça-feira, na frente da Catedral, e o atropelado foi o jornalista decano da Imprensa lageana, Paulo Ramos Derengoski.

 

#BM3ComunicaçãoCriativa

Compartilhar a matéria

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here