Morreu um visionário, o produtor rural e político Osvaldo Uncini

1
5025

O homem que revolucionou o Agro na Serra Catarinense, que produziu soja, trigo, milho e outros grãos onde ninguém acreditava, acabou sendo vítima da própria fatalidade, ao perder a vida em um acidente em uma de suas lavouras, no Salto Caveiras

No contato que mantivemos com familiares no final da tarde desta quarta-feira (31), ainda não havia a confirmação dos detalhes do acidente que causaram a morte do produtor rural e político, Osvaldo Uncini, 77 anos. Era aguardada a presença do IGP para determinar a “causa mortis”, porém as informações dão conta de um acidente fatal com uma colheitadeira em uma de suas propriedades.

Tajabeco, o visionário

Osvaldo Uncini foi o precurssor do Agro na Serra Catarinense, onde plantava grãos como se estivesse na região Centro-Oeste do país. Também foi o fundador da cooperativa que hoje é uma potencia e reúne os produtores que seguiram o que o querido “Tajabeco” ensinou.

Em família, com os netos

O político

Por ser um grande homem de negócios, também a poltítica acabou seduzindo, tendo sido vereador, secretário municipal de agriculta e pesca, secretário regional de governo e candidato a prefeito, além de presidir o partido político, sendo por longos anos o “conselheiro” do governador Raimundo Colombo.

Uncini era casado com Tica Manfrói e deixa dois filhos, o Paulinho e a Isabel.

Descanse em Paz, meu caro amigo, Osvaldo Uncini, e sinceras condolências aos familiares.

Notas de Pesar

Fotos: divulgação

#BarãoOnline

1 COMENTÁRIO

  1. Meu Deus, que notícia triste. Trabalhei com todos os secretários regionais enquanto estive no Estado. Sem sombra de dúvidas foi o melhor. Correto, solidário, terno, determinado, visionário, ágil, sem trava na língua, sem futriquinha de não atender ou considerar propostas boas da oposição. Um realizador. Dinamizou o Conselho de Desenvolvimento Regional inaugurando a votação eletrônica que se tornou modelo elogiado e implementado em todas as regiões pelo LHS.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui