Arquivada a contratação de jatinhos para deputados da Alesc

0
224

O deputado Sargento Lima comemorou, nesta terça-feira, o parecer contrário da Casa Militar da Assembleia Legislativa pela não reabertura de nova licitação para contratação de dois aviões para servir os deputados e assessores

Na sexta-feira passada, o parlamentar encaminhou ofício ao presidente da Alesc, Mauro de Nadal, solicitando que o assunto fosse levado ao Plenário para ser debatido pelos 40 deputados.

O processo de contratação não foi finalizado, pois nenhuma empresa chegou ao preço da hora de voo proposto na licitação. Nesta segunda-feira, o chefe da Casa Militar da Alesc, Ricardo Alves da Silva, assinou parecer contra a abertura de novo processo de licitação das aeronaves.

Dois Milhões e Seiscentos Mil

No ofício ao presidente da Assembleia, Sargento Lima destacou três pontos contrários à contratação dos jatinhos: o alto custo anual para aluguel das aeronaves (R$ 2.615.490,00); que a Casa já oferece bons carros para o deslocamento dos parlamentares; e que a atividade do deputado não necessita de avião, especialmente considerando que os contribuintes se deslocam para o trabalho “no transporte público lotado”.

Licitação

Em resposta ao deputado, a Presidência alega que o Parlamento “não deve pautar suas ações e discussões em matérias jornalísticas que estejam em desconformidade com a verdade”. O documento ressalta que “nunca houve contratação do serviço”.

Porém, no ofício ao presidente da Alesc, o deputado Sargento Lima não trata de contrato, mas de licitação para contatação, publicada no sistema da Assembleia, que é público e pode ser conferida por qualquer cidadão.

 

Fonte: Gabinete deputado Sargento Lima

#BarãoOnline

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui